quarta-feira, 22 de março de 2017

Quando e quem realizou a primeira operação cesariana em Sergipe?


Quando e quem realizou o primeiro parto cirúrgico em Sergipe?
A poucos dias publiquei a desventura de Dona Capitolina Alves de Melo, segunda esposa do Governador Guilherme de Souza Campos, que morreu de parto dentro do Palácio, em 13/12/1907; por não existir em Sergipe nenhum médico que soubesse fazer um parto cirúrgico, conhecido como cesariana.
Fiquei curioso: a partir de quando e quem realizou o primeiro parto cesariano em Sergipe? Lendo um discurso de Augusto Leite (foto) por ocasião do 30º aniversário do Hospital de Cirurgia, publicado no Boletim do Centro de Estudos, Vol. 4, Nº 5, de setembro/outubro de 1956, encontrei a resposta para a minha dúvida. Diz Augusto Leite: “Inaugurada a Maternidade Francino Melo (setembro de 1930 - a primeira de Sergipe), abria-a imediatamente a todos os parteiros da cidade. O primeiro parto normal foi feito por Otaviano Melo, o segundo por Ávila Nabuco, o terceiro, por Carlos Menezes, o quarto por João Firpo. Defendia desta arte, um pensamento, uma atitude, um programa de trabalho, nesta Casa.”
Continua Augusto Leite: “Não me incluí, nesta lista. Não era, aliás, um neófito na arte. Havia feito curso especial na Maternidade Baudelocque, em Paris, e já contava, no meio aracajuano, muito parto, em gente do nosso escol. Desse passado, está entre nós, nesse momento, a recordar-me alegrias que não se apagam, a senhorita Helena Santos. Veio ao mundo, pelas minhas mãos, precisamente há 26 anos. Ela documenta a primeira operação cesariana feita em Sergipe. “
Desfeito o mistério, a primeira cesariana em Sergipe foi realizada pelo Dr. Augusto Leite, em 1930, na maternidade Francino Melo. A medicina chegou tarde a Sergipe.